Notícias Sem categoria

Ahseb marca presença na abertura de seminário de Gestão Contemporânea de Sistemas de Saúde

Sem categoria - 06.11.14

IMG_20141106_091207298-reduz

“Quanto mais informação de países parecidos com o Brasil, melhor. A ideia é fazer um benchmarking, ver o que está bom, o que está ruim para tentar melhorar a saúde no país. O evento é um momento para ouvir e trocar experiências”. A fala é do presidente da Ahseb, Ricardo Pereira Costa, durante a abertura do I Seminário Internacional de Gestão Contemporânea de Sistemas de Saúde: fronteiras entre o público e o privado, individual e coletivo, realizada na manhã desta quinta-feira, 6 de novembro, no auditório da Faculdade de Medicina da UFBA, no Terreiro de Jesus.

O seminário é uma realização da Universidade Federal da Bahia, Escola de Administração/Rede de Inovação e Aprendizagem em Gestão e Faculdade de Medicina, e conta com o apoio da Ahseb. Durante dois dias (6 e 7/11), o evento discutirá temas emergentes do âmbito da gestão dos sistemas de saúde no Brasil, abordando às experiências do Brasil, Cuba e União Europeia, seus modelos de gestão hospitalar, judicialização do acesso à saúde e formação de recursos humanos em saúde.

IMG_20141106_090833052.reduz

Além do presidente da Ahseb, participaram da mesa de abertura do evento o representante da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), Marcos Mandelli; a diretora da Faculdade de Medicina da UFBA, Lorena Silva Pinto; o secretário estadual de Saúde, Washington Couto; o diretor de Programa no Ministério da Saúde, Giliate Coelho Cardoso Neto, representando o ministro da Saúde, Arthur Chioro; o diretor da Escola de Administração da UFBA, Francisco Lima Cruz Teixeira; a professora e coordenadora do seminário, Vera Mendes (EADM/UFBA) e o presidente do Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Saúde da Bahia (Cosems/BA), Raul Molina.

O seminário tem como público alvo secretários municipais de saúde, diretores de hospitais e gerências intermediárias, profissionais de saúde das áreas assistenciais e administrativas, estudantes de pós-graduação e graduação das áreas de saúde, entre outros.